Você é um inovador!

Todos nós somos inovadores. Nascemos com o benefício da criatividade. É dela que nasce a inovação. Portanto, mesmo que você não se enxergue como um ser criativo, você é criativo e sendo criativo é capaz de inovar.

Porque não acreditamos nisso? Os motivos podem ser vários, simples ou complexos, com explicações teóricas ou desculpas infundadas. Mas, falando apenas do banal, que aliás não é tão banal assim, desacreditamos porque nem sequer pensamos em explorar nossa criatividade, não buscamos recursos nem oportunidades para isso, engolidos que somos pelas obrigações e afazeres profissionais, sociais e, pior, financeiras.

Você pode inovar sendo estudante, funcionário ou empreendedor. Com amigos, namorados ou no casamento. E quanto mais inovador você for, em qualquer área, mais sucesso você terá.

Criatividade e inovação andam de mãos dadas. Ser criativo é pensar diferente, ser inovador é fazer diferente. Quem é criativo e faz é inovador.

E existem recursos para sair da imobilidade criativa, ganhar inspiração e inovar. Dicas, ferramentas, inspiração você encontra em abundância na web.

Por exemplo, aqui você encontra 10 dicas para ser mais criativo. A primeira delas é a que mais gosto: “Pare de reclamar, pense em uma solução”.

Quer experimentar um exercício? Escolha três palavras nada a ver. Assim: abacate, carro, sabonete. Agora invente uma história que conecte essas três palavras. Use este exercício como desafios entre amigos. Vai ver que funciona.

carro-abacate-sabonete

(eu inventei essa: Na rua onde o carro vinha descendo tinha um abacateiro. O motorista vinha bem rápido e passou em cima de um abacate caído que estava quase desmanchando de maduro. O carro derrapou que nem se tivesse passado sabonete nos pneus. Por pouco não capotou, mas o motorista era muito bom, evitou o pior. Esse motorista era eu.)

Criatividade é assim, a gente vai melhorando mais e mais a medida que pratica. É é até divertido.

Agora, inovar é por uma ideia criativa em prática. Assim foi o caso do vendedor de espetinhos. Veja no vídeo como ele usou a criatividade e inovou em um negócio que aparentemente é simples. Observe como ele se diferencia.

Viu como criatividade combina com inovação? Percebeu que inovar não é um bicho de sete cabeças?

Pare e repita comigo:

Nasci criativo, posso me tornar cada vez mais criativo e sendo criativo sou capaz de inovar.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s